Antes percebidos somente como pessoas preocupadas com a saúde por alguns e comedores muito, muito exigentes por outros, veganes são tendência. O jornal The Economist declarou 2019 como o ano des veganes, relatando que um quarto da geração do milênio se identifica como vegane ou vegetariane. Celebridades declaradas como Beyoncé e Jay-Z estão incentivando os fãs a se tornarem veganes, se não por razões éticas, então por causa dos benefícios ambientais e de saúde.

Em um relatório de 2018, a indústria de comida vegana registrou um crescimento de 20% em relação ao ano anterior, com vendas chegando a US $ 3,3 bilhões. Essa demanda por todas as coisas veganas fez com que outras indústrias notassem, especialmente a indústria da beleza.

A beleza segue a comida porque usamos muitos dos mesmos ingredientes. Se eles são bons para ingerir, então normalmente são ótimos para aplicar topicamente.

Aqui no Lar Vegan, temos uma lojinha com diversos produtos veganos para você e sua família.

O Que Realmente Significa Beleza Vegana?

Há muitos jargões confusos em torno da beleza vegana – “sem crueldade” é um exemplo, com muitas pessoas assumindo que são a mesma pessoa. Pura e simples, a beleza vegana significa a ausência de ingredientes de origem animal, enquanto o sem crueldade se refere a um produto que não testa em animais. Em outras palavras, é possível que um item vegano tenha sido testado em um animal e um produto livre de crueldade contenha ingredientes de origem animal.

Para aumentar a confusão, está a falta de diretrizes dos órgão de fiscalização do país. Um punhado de organizações lançou insígnias para sinalizar se um produto é vegano ou livre de crueldade, o mais notável no Brasil é o selo vegano da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB), que concede certificação para empresas de alimentos, cuidados pessoais e produtos domésticos e que garantem que nenhum ingrediente animal seja utilizado e nenhum teste animal seja feito em qualquer fase do processo de produção.

Desvendando os Ingredientes Animais X Veganos

Ingredientes comuns de origem animal encontrados em produtos de beleza incluem mel, cera de abelha, lanolina (gordura de lã), esqualeno (óleo de fígado de tubarão), carmim (besouros esmagados), gelatina (ossos de vaca ou porco, tendões ou ligamentos), alantoína (urina de vaca), âmbar cinza (vômito de baleia) e placenta (órgãos de carneiro). Embora sejam inofensivos, também não são melhores para você, embora a ideia de ter partes de vísceras de animais em hidratantes, cosméticos e xampus possa parecer interessante para quem os colocou lá. Os ingredientes de origem animal não foram comprovados como superiores de forma alguma, e existem alternativas veganas saudáveis.

Mas o termo “beleza vegana”, que é sinônimo de “feita de plantas”, também pode ser enganoso. Ele evoca imagens de verdes virtuosos e, por sua vez, saudáveis, o que não é necessariamente o caso. Batata Chips são acidentalmente veganas, mas não são saudáveis. É a mesma coisa com a maquiagem. Só porque é vegano e livre de crueldade não o torna saudável. Sua lista de ingredientes pode estar repleta de produtos químicos e enchimentos prejudiciais à saúde.

A próxima etapa é limpar a lista de ingredientes sem retirar completamente os conservantes, o que pode ajudar a manter o frescor de um produto.

Usando apenas ingredientes naturais, você frequentemente verá separação e crescimento de bactérias, o que pode levar à contaminação e perda de eficácia. Com a beleza vegana, você pode usar um ingrediente derivado da natureza puro junto com aditivos importantes para evitar que se estraguem.

E há muitas marcas – sofisticadas e acessíveis – que já estão fazendo exatamente isso. Os produtos veganos não precisam ser supercaros e difíceis de encontrar, temos hoje em dia diversas opções veganas econômicas.

A cosmetologia baseada nos mesmo princípios de uma alimentação saudável traz saúde e beleza de maneira sustentável.

O Efeito da Beleza Vegana

Talvez o maior benefício do movimento de beleza vegana seja que ele está levando consumidores a avaliar os ingredientes. As pessoas estão começando a questionar e pesquisar o que estão comprando, e acho que isso é fortalecedor. Todos os sinais apontam para uma indústria que está trabalhando para ser não apenas mais limpa, mas também vegana e livre de crueldade.

O futuro da indústria da beleza é vegano e não testado em animais. Nem todas as empresas perceberam isso ainda, mas muitas sim, e essas são as que vão progredir e permanecer no mercado.

Aqui no Lar Vegan, à partir do dia 1 de Dezembro teremos um novo espaço com massagem e estética facial. Tudo com produtos totalmente veganos! Um espaço novo e destinado à levar ainda mais opções veganas para você. Além da nossa lojinha onde você encontra diversos produtos veganes para você e para sua casa.

Vem visitar o Lar Vegan hoje mesmo! Estamos sempre inovando para te atender cada vez melhor e ter opções veganas para todas as tuas necessidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *